BrasilDestaquesÚltimas Notícias

Dia do Estudante 2020: como é a rotina de estudantes no ano em que o mundo parou

O Dia do Estudante é comemorado em 11 de agosto. A data celebra o direito básico do cidadão de ter educação e acesso ao conhecimento. A educação é o meio de formar uma sociedade sólida, com pessoas capazes de analisar de forma crítica as situações ao seu redor. Também é através da educação que se formam profissionais qualificados em diferente áreas.

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Neste ano de 2020, todo o processo de educação e aprendizagem foi interferido pela pandemia de Covid-19. No início do ano as aulas foram suspensas. Em seguida se percebeu que a retomada das atividades demoraria mais que o previsto, então se iniciaram algumas medidas para amenizar a ‘pausa na educação’.

Escolas da rede privada e algumas faculdades federais, adaptaram aulas online, em diferentes plataformas digitais. A rede pública municipal e estadual optou pelas chamadas ‘aulas remotas’ e ‘híbridas’, que oferecem material impresso para alunos que não tenham acesso a internet.

Neste cenário existem três tipos de alunos, os que não estão recebendo nenhuma orientação, os que recebem de forma precária alguma atividade e os que têm o privilégio de ter um ‘contato’ maior com os professores por meio de videoaulas. Mesmo no melhor contexto, os alunos têm sofrido e no futuro vão sentir os reflexos, que sem dúvida serão maiores para alguns.

Imagem Ilustrativa – google Imagens

‘O ano perdido’, é a frase que mais se escuta quando o assunto é a educação. Se por um lado o futuro curricular dos estudantes assusta, por outro a ‘pausa’ tranquiliza neste período. Familiares e alunos demonstram seu apoio e sua insatisfação com as aulas presenciais suspensas, praticamente diariamente, em qualquer rede social.

Mas será que os alunos estão conseguindo aproveitar as atividades que estão tendo acesso? Existem diversos relatos, nas publicações aqui do Clic Camaquã, que demonstram falhas no processo da educação em casa. Pais comentando que as tarefas atrapalham a rotina da casa, que não estão conseguindo dar conta, que as crianças choram e fazem birra para realizar as atividades.

Também existem os adolescentes e jovens, que comentam não conseguirem acompanhar e muitas vezes acabam nem realizando as atividades por falta de motivação ou insentivo. E se para estes grupos já é complicado, o que esperar dos universitários que equilibram as tarefas do trabalho, casa e faculdade?

Em diversos grupos de faculdades, é possível acompanhar a frustração de uma parcela grande de universitários relatando suas vivências com as aulas online. Alguns dizendo estar tentando acompanhar e outros apenas aceitando o ‘fracasso’ em não ter dado conta das aulas neste formato.

Sem dúvida, este é um ano diferente. Que cada um tem uma história nova para compartilhar de como está sendo a adaptação e como as mudanças afetaram suas rotinas. O Dia do Estudante 2020 vai ser marcado por essa luta contra um inimigo invisível. O Dia do Estudante 2020 será lembrado por lutas individuais e pessoais, de alunos que superaram a falta de recursos, tempo, vontade e não desistiram.

Por: Clic Camaquã.

Ver Mais

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo