BrasilDestaquesELEIÇÕES 2018PolíciaPolíticaÚltimas Notícias

Eleições 2018: Polícia Federal abre inquérito para investigar ameaças à presidente do TSE, Rosa Weber; entenda

Rosa Weber
Foto: O Globo

A Polícia Federal abriu inquérito para investigar um coronel da reserva que teria ameaçado a presidente do Tribunal Superior Eleitoral, ministra Rosa Weber, caso ela desse seguimento ao processo que apura suposto caixa 2 na campanha de Jair Bolsonaro, do PSL.

O ministro da Segurança Pública, Raul Jungmann, disse que já são 4 inquéritos abertos por causa de ameaças contra Rosa Weber e que todos os suspeitos foram identificados.

okariri
A declaração de Jungmann foi feita durante a assinatura de um termo de execução de penas alternativas e monitoramento eletrônico. O documento autoriza o repasse de R$  20 milhões  do Ministério da Segurança Pública para o Conselho Nacional de Justiça.

O CNJ vai fazer um levantamento das necessidades dos estados e repassar os recursos às Centrais Alternativas de Penas. Raul Jungmann explicou que um dos objetivos é reduzir a superlotação dos presídios.

As centrais alternativas de penas que vão receber esses recursos são responsáveis pelo monitoramento das penas alternativas, como prestação de serviços à comunidade, e também pelas tornozeleiras eletrônicas. Os recursos servirão, inclusive, para comprar mais tornozeleiras.

Fonte: Radioagência Nacional

Etiquetas
Ver Mais

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
error: Está protegido !!
Fechar