- Publicidade -

Enem 2021: 7 pontos do checklist para conferir antes da prova; confira

Neste final de semana, será aplicada a primeira prova do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).  Além das regras gerais de todas as edições, em 2021 o uso de máscara é obrigatório, assim como foi no ano passado.

A seguir confira 7 dicas do que fazer na véspera da prova e onde encontrar as informações oficiais do exame:

O segundo dia de aplicação ENEM 2019 em Milagres-CE | Foto: OKariri

1- Datas, horários e locais

O Enem será aplicado nos dias 21 e 28 de novembro. No primeiro dia de prova, as disciplinas são: Ciências Humanas e Suas Tecnologias, Linguagens, Códigos e Suas Tecnologias, e Redação. Já no segundo, é a vez de Matemática, Códigos e Suas Tecnologias, e Ciências da Natureza e Suas Tecnologias. 

No primeiro domingo os candidatos têm 5 horas e 30 minutos para responder às questões e fazer a redação. No segundo domingo, a duração é de 5 horas. Os portões abrem às 12h e o fechamento está previsto para às 13h. O início da prova deve ocorrer às 13h30, após os procedimentos de segurança.

Para saber o local de realização da prova, o candidato deve acessar a Página do Participante no site do Inep. Lá, com o login e senha, o participante terá acesso a todas as suas informações e poderá consultar seu local de prova.

2- O que PODE levar

Muitos estudantes têm dúvidas sobre o que se pode ou não levar na prova. Entre os itens permitidos ou obrigatórios estão: documento oficial com foto; caneta esferográfica de tinta preta, fabricada em material transparente; máscara; cartão de confirmação; um lanche e água; e álcool em gel.

3- O que NÃO PODE levar

O recomendado é que o candidato leve a menor quantidade de objetos possíveis. Entre os objetos que não são permitidos estão: equipamentos eletrônicos (ou devem ser guardados no porta-objetos e desligados); óculos escuros e artigos de chapelaria; caneta de material não transparente, lápis, lapiseira, borrachas, réguas, corretivos; livros, manuais, impressos, anotações; e relógio.

4- Covid-19

Assim como no ano passado, o Enem 2021 tem medidas de segurança contra a Covid- 19. O uso de máscara facial será obrigatório nos locais de aplicação e participantes que estejam com coronavírus ou outras doenças infectocontagiosas não devem comparecer ao exame e podem solicitar a reaplicação.

Dentro da sala, os estudantes deverão permanecer com a máscara durante toda a realização do exame. O edital prevê que a máscara deve ser usada da maneira correta, cobrindo o nariz e a boca. Caso isso não seja feito, o participante será eliminado.

Outra regra é o distanciamento social. As salas estarão dispostas para assegurar a distância entre os participantes. Para o consultor da Sociedade Brasileira de Infectologia Marcelo Otsuka, mesmo com o avanço da vacinação, é importante manter as medidas de segurança, ainda mais em um exame de grandes proporções como o Enem.

Além dos cuidados nos locais de prova, Otsuka recomenda que os candidatos tenham cuidado também no momento do deslocamento. Para o coordenador pedagógico do ProEnem, Leandro Vieira, ler o edital do Enem e conhecer as regras do exame é fundamental para que os estudantes não sejam eliminados.

5- O que fazer na reta final?

A dica dos especialistas é que os estudantes aproveitem a reta final para rever as regras do exame, fazer simulados e resolver provas antigas. “É um momento de fazer muitas questões, muito exercício. O exercício é uma forma de revisão, de retomar o conteúdo”, diz Vieira.

Ele recomenda ainda que os estudantes simulem o dia do exame, inclusive usando máscara, para ver como se sentirão no dia da prova. “A gente fala em simular a prova, simular tudo da prova, ficar ali 5h, 6h sentado para fazer a prova com os mesmos moldes que vão encontrar no dia. Isso inclui o uso de máscara”, diz.

6- Redação

Conhecer as provas de redação anteriores pode ajudar os candidatos, segundo o coordenador de Integração Pedagógica do SAS Plataforma de Educação, Vinicius Beltrão. “Os temas de redação geralmente são cíclicos. Ou vão trazer questões de inclusão, ou questões sobre cidadania e ética”, explica.

Como os candidatos precisam, além de ter um conhecimento mínimo sobre o assunto, fazer uma proposta de intervenção, a dica é buscar referências que ajudem a embasar o texto. Podem ser músicas, filmes, livros, notícias e documentos.

No dia da prova, segundo o professor, o ideal é reservar uma hora para fazer a redação. Isso pode ser feito logo no começo, quando o candidato está mais descansado. E antes mesmo de ler os textos de apoio, ver, no final do enunciado, qual é o tema da redação.

Já a professora de redação na plataforma Explicaê Cainã Marques Vilanova recomenda que, nessa reta final, os estudantes revisem os textos que escreveram ao longo do ano. “Fazer uma análise de redações já feitas. Se estudou durante o ano e fez 30 redações, por exemplo, é hora de colocá-las em cima da mesa e dar uma olhada, rever os principais erros, analisar o que é preciso melhorar”, diz.

Outra dica é ler redações que tiraram nota mil em edições anteriores. Produzir muitos novos textos a alguns dias do exame pode, de acordo com Cainã, gerar nervosismo. “Esta semana não é mais para fazer muitos textos, vejo alunos desesperados querendo recuperar o tempo perdido. Isso atrapalha até porque dificilmente terão alguém para fazer a correção dessas redações e não terão um feedback”.

Segundo Cainã, os estudantes que conhecem bem a estrutura da prova estão preparados para discorrer sobre qualquer tema. Ela ressalta que os textos de apoio são de grande ajuda e devem ser lidos com atenção. Eles não devem ser copiados na íntegra, o que poderá zerar a redação, mas podem conter informações que ajudem nos argumentos dos estudantes.

7- Testes

Além disso, quem quiser aproveitar os últimos dias antes das provas do Enem 2021 para revisar os conteúdos, pode acessar o site questoesenem.ebc.com.br. A Empresa Brasil de Comunicação (EBC) criou um banco online que reúne  questões do Enem, de 2009 a 2020. Para fazer os testes na internet, os estudantes precisam fazer um cadastro simples e escolher a área de conhecimento que querem testar seus conhecimentos.

Confira as dicas na animação:

Para ficar bem informado, siga o OKariri no Facebook, no youtube no Twitter e no Instagram. Receba as informações e ajude a aumentar as nossas comunidades.

Com: istoedinheiro

VEJA OUTRAS NOTÍCIAS
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -

MAIS POPULARES