CaririDestaquesMilagresÚltimas Notícias

Se os Correios entrarem em greve as agências da região não fecharão as portas – entenda:

Agência dos Correios de Milagres (Foto: Agência OKariri)

Leitores do Portal OKariri entraram em contato com a nossa redação buscando informações sobre uma possível greve dos Correios marcada para iniciar nesta quarta-feira (31/jul). Antes de entrarmos em maiores detalhes é importante lembrar que os trabalhadores dos Correios anunciaram que entrarão em greve a partir da noite desta quarta-feira (31/jul).

A greve foi anunciada pelo presidente dos Correios, Floriano Peixoto na última segunda (29/jul). Apesar do indicativo de paralisação, os trabalhadores não descartam novas negociações.

okariri
Vale salientar que mesmo que os Correios optem pela greve, rege a lei que para garantir a legalidade, o movimento deverá manter um número mínimo de servidores em exercício. O costume é observar o percentual de 30% (trinta por cento) de servidores no exercício das atividades estabelecendo-se, para tanto, sistema de rodízio entre os grevistas. Isso quer dizer que os serviços podem até ficar mais lentos, mas os correios de Milagres – Ce e região não estarão de portas fechadas literalmente.

Para tirar todas as duvidas, o Portal OKariri entrou em contato com funcionários da agência de Milagres e fomos informados que a agência do município não pretende aderir a greve, caso ela exista.

MOTIVOS:

Segundo ofício enviado pela Federação Nacional dos Trabalhadores em Empresas de Correios, Telégrafos e Similares (Fentect) ao presidente dos Correios, a paralisação se dará por “reivindicações não atendidas pela empresa na mesa de negociação e por falta de reajuste salarial e contra a retirada de direitos históricos da categoria”.

POSSIBILIDADE DE PRIVATIZAÇÃO:

Os Correios estão em meio a uma possibilidade de privatização defendida pelo presidente Jair Bolsonaro. Os planos do governo, por enquanto, são de investir esforços na reforma da Previdência, enquanto as privatizações ficariam para um segundo momento. Fischer Moreira alega que a base aliada do governo no Congresso Nacional, como a deputada Joice Hasselmann (PSL-SP), divulga informações sobre a empresa que “faltam com a verdade”.

Etiquetas
Ver Mais

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
error: O conteúdo está protegido !!
Fechar