CearáDestaquesÚltimas Notícias

Chuva perde força no Ceará neste domingo e diminui número de cidades com precipitações

Chuva em Viçosa do Ceará. Choveu 31 milímetros na cidade, segundo a Funceme

As previsões da Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme) se confirmaram e as chuvas dos últimos dias perderam força em todo o Estado. A maior precipitação registrada entre as 7h deste sábado (12) e as 7h deste domingo (13), foi de apenas 31 mm em Viçosa do Ceará, na Região da Ibiapaba. O estado recebeu chuvas em pelo menos 38 municípios.

Os outros municípios com maiores registros nas últimas 24 horas foram nos municípios de Meruoca (28 milímetros), Marco (25 milímetros) e Granja (24 milímetros).

De acordo com a Funceme essa redução, se deve ao fato da Zona de Convergência Intertropical (ZCIT) deslocar-se mais para o norte, não influenciando mais as condições de tempo no Estado. A ZCIT é o principal sistema indutor de chuva no norte do Nordeste no período de fevereiro a maio.

10 maiores chuvas por posto no dia:

1-Viçosa Do Ceará (Posto: Manhoso) : 31.0 mm

2-Meruoca (Posto: Meruoca) : 28.0 mm

3-Marco (Posto: Panacui) : 25.0 mm

4-Granja (Posto: Granja) : 24.0 mm

5-Martinópole (Posto: Martinopole) : 21.0 mm

6-Maranguape (Posto: Itapebussu) : 20.2 mm

7-Uruoca (Posto: Campanario) : 20.0 mm

8-Maranguape (Posto: Olho Dagua) : 18.6 mm

9-Viçosa Do Ceará (Posto: Vicosa Do Ceara) : 17.8 mm

5-Camocim (Posto: Camocim) : 16.0 mm

10-Previsão para os próximos dias

Domingo (12):

Predomínio de nebulosidade variável em todas as regiões.

Segunda-feira (13):

Nebulosidade variável em todas as regiões com eventos de chuva na faixa litorânea, Maciço de Baturité e na Serra da Ibiapaba. No Sertão Central, há possibilidade de chuva.

Terça-feira (14):

Nebulosidade variável com possibilidade de chuva na faixa litorânea e no Maciço de Baturité. Nas demais regiões, céu com poucas nuvens.

Recarga dos reservatórios

Nas últimas 24 horas foram registrados aportes em 45 reservatórios, com recarga de 8,37 milhões de metros cúbicos. No acumulado deste ano, a recarga já chega a 31,37 milhões de metros cúbicos.

Por: Diário do Nordeste

Etiquetas
Ver Mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
error: Está protegido !!
Fechar