- Publicidade -

FORTALEZA: Grevistas tentam impedir aulas na UECE

Integrantes do movimento grevista tentam impedir realização de aulas na Uece (FOTO: Diego Rabelo)

Os estudantes do curso de administração da Universidade Estadual do Ceará (UECE) foram surpreendidos, na tarde desta segunda-feira (18), por ações de grevistas que tentaram impedir a realização das aulas no Campus do Itaperi, em Fortaleza. Segundo a estudante de administração, Ingrid Castro, os integrantes do movimento grevista pintaram e picharam as paredes dos blocos P,Q e O; arrancaram os interruptores das salas de aula; colocaram todas as cadeiras em duas salas e bloquearam o acesso a algumas salas com uma escada de ferro que pertence ao curso de Química.

Além disso, eles ainda fecharam as portas e pregaram cartazes com as reivindicações pelos blocos. Ainda de acordo com a estudante, ao notar as ações dos grevistas, os alunos procuraram o Centro de Estudos Sociais Aplicados (Cesa) cujo diretor, Vladimir Spinelli, foi notificado e procurou soluções junto ao reitor e ao prefeito da Universidade. Eles conseguiram reestabelecer as luzes no bloco da administração e os alunos recolocaram as cadeiras nas salas de aula, mas os outros blocos continuam sem iluminação.

Os cursos de Administração, Ciências Contábeis e Ciências da Computação decidiram em Assembleia por não aderir a greve deflagrada no último dia 29 de outubro. “Eles estão querendo impor a greve a qualquer custo. Foi feita assembleia com alunos e professores da Administração e decidimos que iríamos concluir o semestre para que não houvesse prejuízo” explica Ingrid Castro.

Tribuna do Ceará

VEJA OUTRAS NOTÍCIAS
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -

MAIS POPULARES