CearáDestaquesÚltimas Notícias

Ideb 2019: Ceará lidera ranking nacional

De acordo com o MEC, o estado lidera entre os anos finais (6º a 9º ano) no Brasil, é terceiro lugar nas séries iniciais (1º a 5º ano) e quarto no Ensino Médio

De acordo com o MEC, o estado lidera entre os anos finais (6º a 9º ano) no Brasil, é terceiro lugar nas séries iniciais (1º a 5º ano) e quarto no Ensino Médio

O Ceará consolidou sua posição como referência de educação pública de qualidade no Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) 2019, divulgado nesta terça-feira (15) pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), do Ministério da Educação. A rede pública estadual cearense superou a meta proposta para 2019 e alcançou o melhor resultado do país nos anos finais do Ensino Fundamental (6º ao 9º ano). Nesta etapa da educação básica, o estado obteve 5,2 pontos, ultrapassando a projeção para 2019 (4,6).

O resultado do Ideb da rede pública cearense foi apresentado pelo governador Camilo Santana durante live nas redes sociais nesta terça-feira (15). O evento contou, ainda, com as participações da vice-governadora Izolda Cela e da secretária da Educação, Eliana Estrela. Ainda de acordo com o principal indicador que avalia a qualidade da educação básica, o Ceará apresenta a melhor evolução nos anos iniciais do Ensino Fundamental (do 1º ao 5º ano) quando comparado às demais unidades da federação. A rede pública alcançou a nota 6,3 em 2019, superando em 1,5 ponto a meta estabelecida pelo Ministério da Educação (MEC).

Ao longo dos últimos 14 anos, o Ceará segue avançando nesta etapa do Ensino Fundamental, conquistando a melhor evolução do Brasil no Ideb. Saiu de 2,8 em 2005 para 6,3 em 2019. Segundo o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), o ritmo de crescimento é quase duas vezes superior à média brasileira, que, no mesmo período, passou de 3,6 para 5,7.

O governador Camilo Santana ressalta o empenho dos profissionais da Educação para a consolidação dos avanços, de forma contínua, ao longo do tempo. “A cada ano temos melhorado os resultados, sendo referência para o Brasil e para instituições internacionais que avaliam as políticas públicas na área educacional. Isso significa que as nossas crianças e jovens terão um futuro melhor”, pontua.

Ainda com relação aos anos iniciais, o Ceará é o estado com a maior porcentagem de municípios que atingiram a meta projetada pelo MEC, com 98,9% do total. Ou seja, dos 184 municípios cearenses, 182 atingiram o objetivo estipulado.

Além disso, 131 municípios cearenses (71,2%) atingiram a média 6, valor que corresponde a um sistema educacional de qualidade comparável ao dos países desenvolvidos, conforme a Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE).

Dos 184 municípios cearenses, 154 obtiveram resultado acima do esperado nos anos finais do Ensino Fundamental, representando índice superior a 83,7% das redes públicas municipais.

De acordo com o Ideb, o Ceará obteve ainda os melhores resultados nas duas etapas do Ensino Fundamental entre os estados do Norte e do Nordeste.

No Ensino Médio, a rede pública estadual do Ceará saiu de 3,8, em 2017, para 4,4 em 2019. O resultado demonstra uma aproximação da meta estipulada, que era de 4,5, deixando o estado em 4º lugar nacional e em segundo do Nordeste após Pernambuco (4,5).

Continuidade

A vice-governadora Izolda Cela destaca o valor do trabalho desenvolvido desde as primeiras séries da educação básica para a superação constante. “É um crescimento notável, que mostra o vigor de um esforço. Mostra-se mais importante ainda porque faz frente às adversidades socioeconômicas que ainda enfrentamos. Esses municípios não aparecem em destaque do nada. Quando observamos a série histórica, vemos que eles já vêm ocupando os primeiros lugares, mostrando uma sustentabilidade da política educacional”, observa.

A secretária Eliana Estrela salienta a questão da equidade nos resultados. “É uma satisfação muito grande, é o dever sendo cumprido. O Ceará é um estado pobre que vem acreditando muito na educação e investindo na escola de tempo integral e na educação profissional, criando oportunidades importantes para a juventude”, acrescenta.

Informações: Governo do Estado do Ceará

Ver Mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo