- Publicidade -

Jovem mata ex-sogro após discussão com ex-companheira em Mauriti

Um homicídio foi registrado por volta das 18 horas desta sexta-feira na Vila Senhora Santana na zona rural de Mauriti. O presidiário Cícero Luciano de Oliveira, no dia em que estava comemorando 37 anos, foi morto com duas facadas desfechadas pelo seu ex-genro Joseano Pereira Farias, de 19 anos, que está foragido. O crime ocorreu na residência da vítima, que respondia um crime de estupro em regime semi aberto. O acusado ali chegou com a intenção de levar o filho para sua casa.

Ele viveu maritalmente com uma filha de Cícero de apenas 15 anos e iniciais E. D. O, de cujo relacionamento nasceu um filho, porém, depois, terminaram se separando. Na noite de ontem Joseano foi até a casa da ex com a proposta de apanhar a criança e ficar com a mesma no final de semana. Segundo testemunhas, houve discussão entre os dois, enquanto o pai dela evitou se meter no conflito optando por ficar na calçada do imóvel.

Com o fim do entrevero e as argumentações vencidas, o acusado decidiu deixar a casa. Todavia, quando se encontrou com Cícero Luciano na calçada demonstrou toda sua ira sacando uma faca e aplicando os golpes no agricultor que morreu no hospital. Joseano mora na Avenida Buriti Grande em Mauriti e seu paradeiro é desconhecido, segundo o Cabo Damasceno e os Soldados Alves e Bezerra que diligenciaram à procura do mesmo. O corpo do seu ex-sogro foi levado para necropsia no IML de Juazeiro.

Agência Miséria

VEJA OUTRAS NOTÍCIAS
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -

MAIS POPULARES