PolíciaÚltimas Notícias

Ministro do Turismo é exonerado pelo presidente Jair Bolsonaro

bolsonaro
Foto: Diário do Centro do Mundo

O presidente Jair Bolsonaro, em ato assinado em conjunto com o ministro Sergio Moro (Justiça), exonerou Marcelo Álvaro Antônio (PSL) do cargo de ministro do Turismo. A decisão foi publicada no Diário Oficial da União desta quarta-feira (6). A informação é da Folha de S.Paulo.

Procurado pela Folha, o ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, disse que Marcelo Álvaro retornará ao posto na Esplanada após cumprir a formalidade de assumir o mandato de deputado federal na Câmara. “[A exoneração] é para tomar posse como deputado. Ele volta [ao governo] após as formalidades da Câmara dos Deputados”, afirmou.

A assessoria de Álvaro Antônio informou ainda que ele não havia tomado posse na Câmara porque estava de licença médica.

Na última segunda-feira (4), reportagem da Folha revelou que o ministro do Turismo de Bolsonaro, o deputado federal mais votado em Minas, patrocinou um esquema de candidaturas laranjas no estado que direcionou verbas públicas de campanha para empresas ligadas ao seu gabinete na Câmara.

okariri
Após indicação do PSL de Minas, presidido à época pelo próprio Álvaro Antônio, o comando nacional do partido do presidente Jair Bolsonaro repassou R$ 279 mil a quatro candidatas. O valor representa o percentual mínimo exigido pela Justiça Eleitoral (30%) para destinação do fundo eleitoral a mulheres candidatas.

Outro lado

Em seu Twitter, o ministro do Turismo assim reagiu: “Em tempos de fake news, importante avisar: hoje tomo posse na Câmara dos Deputados e amanhã retorno as atividades frente ao Ministério do Turismo.”

Fonte: Agência Brasil.

Etiquetas
Ver Mais

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
error: O conteúdo está protegido !!
Fechar