- Publicidade -

‘Adversário é Bolsonaro’, Presidente do PDT critica ataques de Ciro Gomes ao ex-presidente Lula

O presidente do PDT, Carlos Lupi, criticou nesta segunda-feira (17) o presidenciável, Ciro Gomes (PDT), pelos constantes ataques ao ex-presidente Lula (PT). Recentemente, o ex-ministro chamou o petista de “o maior corruptor da história brasileira”. A afirmação gerou muita repercussão nas redes sociais.

Carlos Lupi, presidente Nacional do PDT ao lado do presidenciável Ciro Gomes | Foto @PDT

Em entrevista ao site O Antagonista, Lupi, que foi ministro do Trabalho dos governos de Lula e de Dilma Rousseff (PT) disse acreditar que a postura de Ciro Gomes não é a mais estratégica. Em sua opinião, o alvo agora deve ser o atual presidente da República, Jair Bolsonaro (sem partido). “Eu penso que o principal alvo da gente precisaria ser o Bolsonaro e o que estou chamando de ‘processo da ignorância’, que inclui o presidente e seus seguidores. Mas o Ciro e outros pensam que, ao mesmo, é importante bater também no Lula, para tentar furar esse bloqueio que fica entre os dois. Eu não penso assim. A etapa agora é salvar o Brasil do Bolsonaro”, disse.

Entretanto, apesar de não concordar com os recentes ataques de Ciro contra Lula, o líder do PDT acredita ser inevitável um futuro embate com o ex-presidente petista. “Em uma segunda etapa, a gente faria um enfrentamento com o Lula, no substantivo, apresentando um projeto de Brasil que a gente imagina ser melhor do que foi. Mas cada um tem o direito de pensar diferente. É a cabeça dele. Eu respeito, mas penso diferente”, concluiu.

VEJA OUTRAS NOTÍCIAS
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -

MAIS POPULARES