DestaquesPolíticaÚltimas Notícias

De 33% para 38%: Pesquisa aponta que reprovação do governo Bolsonaro elevou mais 5 pontos

A reprovação do governo de Jair Bolsonaro atingiu 38%, segundo pesquisa Datafolha, divulgada nesta segunda-feira (02). A alta representa um aumento percentual de cinco pontos em relação ao levantamento anterior, de julho.

Para o cálculo da reprovação, o Datafolha considera o índice de pessoas que avaliaram a administração do governo atual como “ruim” ou “péssima”.

Foto: Mauro Pimentel

Em comparação com o levantamento de julho, a aprovação da gestão Bolsonaro caiu dentro da margem de erro de dois pontos percentuais e foi de 33% para 29%. Já o índice regular de avaliação ficou estável, reduzindo de 31% para 30%.

Com o resultado, Bolsonaro segue sendo o presidente mais mal avaliado neste período de nove meses de governo, desde Fernando Henrique Cardoso.

O Datafolha ouviu 2.878 pessoas com mais de 16 anos em 175 municípios, entre os dias 29 e 30 de agosto. A margem de erro é de dois pontos percentuais, tanto para mais quanto para menos.

Perdendo apoio

Na pesquisa de julho, os números apontavam para um Brasil dividido sobre a avaliação do governo Bolsonaro. No entanto, nos últimos dois meses cresceu a parcela de brasileiros que rejeitam a gestão atual.

[ads1] A rejeição do presidente no Nordeste, região com maior oposição, disparou no período e saltou de 41% para 52%. A avaliação negativa coincide com o período que o presidente se envolveu em um conflito com os governadores da região, após ter criticado a gestão deles e os chamado de “paraíba”.

Áreas tradicionalmente bolsonaristas, como o Sul, por exemplo, também registraram aumento na rejeição a Bolsonaro, que foi de 25% para 31% entre os que avaliam o governo como “ruim” ou “péssimo”.

As mulheres seguem rejeitando mais o presidente do que os homens: 43% delas o acham ruim ou péssimo, contra 34% dos homens.

Fonte: EXAME

NÃO FAÇA COMPRAS SEM ANTES CONFERIR ESSAS OFERTAS:

Etiquetas
Ver Mais

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
error: O conteúdo está protegido !!
Fechar