- Publicidade -

FORTALEZA: Vereadora quer criar lei para proibir celulares e smartphones em salas de aula

Segundo a vereadora, os aparelhos podem ser “inimigos do aprendizado” caso usados de forma inadequada (Foto: Igor de Melo/O Povo)

Um polêmico projeto de lei começou a tramitar nesta quarta-feira (2) na Câmara Municipal de Fortaleza. De autoria da vereadora Tamara Holanda (PSDC), a proposta quer proibir o uso de “celulares, smartphones, tablets e outros” em salas de aula da rede municipal de ensino.

De acordo com o projeto, o professor deverá fazer o recolhimento dos aparelhos, desligá-los, fazer a identificação e devolver aos alunos somente ao fim da aula. Em caso de resistência, o aluno será encaminhado à diretoria da escola para as medidas cabíveis.

Na justificativa, a vereadora diz que os aparelhos podem ser importantes aliados do ensino, mas também “inimigos do aprendizado”, se usados de forma inadequada.

“A infinita possibilidade de aplicativos, o acesso a jogos, as redes sociais e os chats gratuitos podem provocar dispersão no horário dos estudos”, pontua Tamara.

O projeto segue agora para a Comissão de Legislação da Câmara. Depois, se aprovado pelo plenário da Casa, segue para a sanção ou veto do prefeito Roberto Cláudio (sem partido). Veja a íntegra da proposta.

O Povo Online

VEJA OUTRAS NOTÍCIAS
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -

MAIS POPULARES