Últimas Notícias

Ceará: Receita libera pagamento de R$ 70 milhões no 7º lote de restituições do imposto de renda; confira

OKariri.com | Um Clique Em Nossa Região

Foto Divulgação

A Receita Federal libera nesta sexta-feira, 15, o pagamento de mais de R$ 70 milhões no sétimo (último) lote de restituições do Imposto de Renda da Pessoa Física (IRPF) de 2017. Conforme o órgão, 44.398 contribuintes cearenses têm direito de receber o pagamento. A restituição ficará disponível no banco durante um ano.

okariri

 

O superintendente da Receita Federal, João Batista Barros, explica que o contribuinte pode consultar se a declaração foi liberada pela página do órgão na internet ou ligar para o ‘Receitafone’, no número 146. O órgão disponibiliza, ainda, o aplicativo para tablets e smartphones que facilita consulta às declarações do IR e à situação cadastral no CPF.

Quem não tiver o benefício liberado neste lote estará automaticamente na malha fiscal, que ocorre quando a declaração possui alguma pendência de documentação.

Conforme João Batista, 97% das declarações realizadas neste ano no Ceará foram processadas corretamente. Cerca de 3% dos contribuintes ficaram com pendência e caíram na chamada malha fina.

As principais razões pelas quais as declarações foram retidas são:

  1. Omissão de rendimentos do titular e seus dependentes
  2. Dedução de previdência oficial ou privada, dependentes, pensão alimentícia.
  3. Despesas médicas

Para saber se a declaração está na malha fina, os contribuintes também podem acessar o Extrato de Processamento da DIRF no sítio da Receita Federal na internet. Para acessar o extrato da declaração, é necessário utilizar o código de acesso gerado na própria página da Receita Federal ou certificado digital emitido por autoridade habilitada.

No fim do ano passado, a Receita Federal informou que 771 mil declarações estavam retidas na malha fina do IR de 2016 no país devido a inconsistências nas informações prestadas.

Com informação do G1

Etiquetas
Ver Mais

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
error: Está protegido !!
Fechar