DestaquesMilagresTV - OKARIRIÚltimas Notícias

Milagres-Ce: homem conta a sua versão sobre episódio que teria hostilizado agentes do Demutran; confira

Uma polêmica se gerou em torno de um vídeo que circulou na internet onde mostra que agentes do DEMUTRAN – Departamento Municipal de Trânsito de Milagres-Ce, que estariam sendo hostilizados por um homem, que inclusive acusa o prefeito Lielson Landim de estar “fazendo dinheiro com multa”.

Imagem reproduzida do vídeo divulgado na internet

No diálogo em que outra pessoa está filmando, o homem pergunta o nome do agente do Demutran, e ameaça espalhar o vídeo nos grupos de whatsapp, em seguida diz que “o prefeito de Milagres agora tá fazendo dinheiro com a companhia de trânsito pra multar o cidadão de fora que passa pela cidade”. Em seguida o agente pergunta se o cidadão “trabalha cumprindo ordem ou dando ordem”, dando a entender que estava apenas cumprindo com o seu dever.

O Portal OKariri não havia encontrado a outra parte para saber a sua versão, mas disponibilizamos o nosso e-mail para esclarecimentos. Entrou em contato com o nosso endereço eletrônico a pessoa que atende pelo nome de Cristiano Silva, que deu a outra versão dos fatos.

Segundo a nota que nos foi enviada, ele é morador de Juazeiro do Norte e estava ontem viajando a trabalho indo para Mossoró-RN, ao se depara com a barreira e ser indagado pelo agente do DEMUTRAN. Ao ser impedido de passar, Cristiano diz ter se revoltado com a forma que viu “as coisas acontecerem, a falta de respeito  com o ser humano, pois todos nos estamos com nossos medos”. – relata ele.

Abaixo você pode rever o vídeo e a íntegra da nota (como digitada e enviada) para a nossa redação.

NOTA

Referente à situação ocorrida em milagres ontem.

Bom dia, meu nome é Cristiano, sou morador de Juazeiro do Norte , venho expor através desta a minha versão dos fatos,estava ontem viajando a trabalho indo para Mossoró/RN.

Quando me deparei com uma barreira sanitária na entrada de Milagres/CE, logo após a passagem molhada.

Ao parar na barreira o agente perguntou meu destino, expus que estava de passagem, não iria parar no município e o mesmo falou que eu não poderia passar e teria que dar uma volta de 30 km, para contornar Milagres.

O motivo de minha revolta, foi à forma que eu vi as coisas acontecerem, a falta de respeito  com o ser humano, pois todos nos estamos com nossos medos.

O abuso do poder, (eu cumpro ordem e o prefeito mandou, ele tem poder pra isto)!

Calma lá  amigo ele e prefeito, mas a lei está acima de todos, ou ele quer ser a própria lei?

O que mais me chateou foi ele falar que ou eu desse a volta de imediato, ou ele iria multar meu veículo! 

Espera aí vamos refletir a situação, meu carro esta regular, minha habitação em dias, estava de máscara, não iria parar na cidade, qual o motivo da multa?

Só se for para arrecadar dinheiro! E simples hoje todos os prefeitos estão usando o estado de calamidade para fazer o que acha mais conveniente e a covid virou balcão de arrecadação.

Agora fica uma pergunta a placa do meu carro era de fora e me pararam, porque passaram vários carros com placa da região sem ao menos ser parados, inclusive aparece no vídeo?

E justo eu ter que dar uma volta de 30 km?

A administração pública não poderia ter colocado  uma placa  no trevo, que dar acesso à cidade  informando que o trânsito temporariamente estava liberado somente para moradores locais, e informando uma rota alternativa, sem prejuízo a nenhuma parte!

O prefeito fala que eu coagi os funcionários públicos!  Mentira eu simplesmente me defendi dos abusos de funcionários que foram mal preparados e querem oprimir o cidadão de bem.

Eu tenho o direito constitucional de ir e vir, mantendo minha segurança e respeitando a lei e a ordem.

Eu estava a trabalhando, não estava passeando fazendo farra.

E outra situação eu não oprimi e não desrespeitei ninguém!

Agora hoje agradeço   a você das mídias sociais da imprensa, que alavancam a voz dos cidadãos comuns como eu, pois hoje ja nao estamos em nenhuma ditadura. E temos que ser tratados  com respeito.

Somos nós que pagamos os salários deles é não podemos abaixar a cabeça e ser tratados como um qualquer !

A imprensa deu voz aos mais simples ao cidadão em geral.

Agradeço a vocês;

Cristiano Silva.

Etiquetas
Ver Mais

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Fechar