DestaquesMilagresÚltimas Notícias

Milagres-Ce: Vereador Beto Mitrado tem recurso negado, Lorim “DEVERÁ ASSUMIR” a presidência e Isael sai da suplência

Na esquecia da imagem: Lorim; Beto Mitrado e Isael Saltos | Fotos: Reprodução Facebook
Na esquecia da imagem: Lorim; Beto Mitrado e Isael Saltos | Fotos: Reprodução Facebook

O TRE – Tribunal Regional Eleitoral negou por unanimidade o recurso do vereador José Roberto Alves da Silva (Beto Mitrado), então presidente da Câmara de Vereadores de Milagres-CE e o parlamentar deverá ser afastado do cargo de vereador assim que o acórdão (decisão final) for publicado. Parece noticia repetida, mas não é. Entenda melhor o caso:

O Vereador Beto Mitrado, foi eleito presidente da câmara de Milagres em 20 de dezembro de 2018, quatro dias depois de ter o seu diploma de vereador cassado, acusado de captação ilícita de sufrágio (compra de votos). A sentença foi uma decisão do juiz da 26ª Zona Eleitoral de Milagres, Judson Pereira Spindola. Na ocasião, Beto recorreu da decisão em instância superior.

A decisão dos membros do colegiado do TRE/CE – Tribunal Regional Eleitoral do Ceará, decidiu por unanimidade, negar provimento ao recurso (recusar o recurso) nos termos do voto do Relator Juiz Francisco Eduardo Torquato Scorsafava. Participou da votação o Desembargador Haroldo Correia de Oliveira Máximo, Presidente.

Mais uma vez o parlamentar recorreu da decisão e nessa terça-feira (12/nov), também por unanimidade os Membros do Tribunal Regional Eleitoral do Ceará, optaram em conhecer por negar provimento aos embargos nos termos do voto do Relator, o Juiz Francisco Eduardo Torquato Scorsafava.

QUEM ASSUME

No caso da cassação do vereador José Roberto Alves da Silva quem assume a presidência é o então vice-presidente Francisco José Pereira Lins (61 anos), conhecido como “Lorim” e quem sai da suplência e assume o lugar de Beto é José Isael dos Santos (31 anos) que foi candidato na última eleição pelo então PMDB (Partido do Movimento Democrático Brasileiro) e obteve 3.43% o que correspondeu a 614 votos e era suplente de vereador até o momento.

O QUE PENSA O PARLAMENTAR

O Portal OKariri buscou saber a opinião do vereador Beto sobre o assunto que nos respondeu pelo WhatsApp. O parlamentar disse que “ A política não é uma profissão e sim uma missão de Jesus.” E que “a política não é pra quem quer e sim pra quem é político”.

“Nunca pensei que tivesse alguém que torcesse pela desgraça de alguém para assumir  uma missão divina. Tenho caráter sou político e vivo da política não posso baixar a cabeça tenho muita fé em Jesus, vou insistir sempre, tenho muito ainda que fazer pelo povo de milagres”. – Desabafou Beto

Quando perguntado se irá recorrer da decisão mais uma vez, Beto Mitrado disse que “Até o momento não tem o teor da decisão”, dando a entender que analisará o caso depois que a decisão for publicada.

O vereador Beto deverá ser afastado do cargo após a publicação da decisão, e caso pense em recorrer, o Código Eleitoral, “Art. 276. rege que As decisões dos Tribunais Regionais são terminativas, salvo os casos seguintes em que cabe recurso para o Tribunal Superior:

I – especial:

a) quando forem proferidas contra expressa disposição de lei;

b) quando ocorrer divergência na interpretação de lei entre dois ou mais tribunais eleitorais;

II – ordinário:

a) quando versarem sobre expedição de diplomas nas eleições federais e estaduais;

b) quando denegarem habeas corpus ou mandado de segurança.”

By: Portal OKariri – 2019

Etiquetas
Ver Mais

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
error: Está protegido !!
Fechar