Últimas NotíciasVocê Viu?

Mulher morre e pede em testamento que sua cadela seja morta e enterrada com ela

Os funcionários do abrigo tentaram convencer o advogado a pôr a cadela para adoção (Foto: Reprodução)

Uma senhora deixou por escrito, no testamento, que quando morresse, sua cadela Emma deveria ser morta e enterrada com ela. O documento explicitava que a cachorra deveria ser sacrificada, cremada e posta com a dona no túmulo. O representante da mulher garantiu a execução da ordem e a Shih Tzu foi enterrada no último dia 22 de março.

Após a morte da dona, Emma foi entregue ao abrigo Chesterfield Animal Shelter no dia 8 de março. O advogado de execução testamentária tentou reaver a cadela para cumprir a última vontade da cliente. Funcionários do local tentaram demovê-lo da ideia, afirmando que a cadela, pequena e saudável, poderia ser facilmente adotada por um novo lar. As informações são da emissora NBC.

O caso ocorreu em Richmond, no estado de Virgínia, nos Estados Unidos, e provocou discussões sobre a lei estadual. No estado, legalmente, animais são propriedade de seus donos, que podem solicitar o sacrifício dos bichos em qualquer circunstância, mesmo que estejam saudáveis. Por outro lado, muitos cemitérios se recusam a sepultar animais em seu terreno, o que pode ser contornado em cemitérios de propriedade particular ou familiar.

okariri
A cachorra foi retirada do abrigo duas semanas depois de sua chegada, foi levada a um veterinário local, onde foi sacrificada, e posteriormente cremada. As cinzas de Emma foram então postas junto ao corpo da dona.

Fonte: O POVO.

Etiquetas
Ver Mais

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
error: O conteúdo está protegido !!
Fechar