Plantão

Foi preso em Alagoas acusado de matar cobrador de prestação misãovelhense

Uma operação da Polícia Civil com o apoio da Polícia Militar, nas primeiras horas deste sábado, 16, resultou na prisão de João Paulo dos Santos Nunes, vulgo ‘João Paulo Mocô’, 26 anos, acusado de assassinar para roubar o cobrador de prestações Thiago de Souza Oliveira, 26 anos – assassinado a tiros no dia 15 de dezembro de 2018 na Rua Adolfo Santos no Bairro Campo Grande, localizado na Delmiro Gouveia no estado e Alagoas.

 João Paulo dos Santos Nunes, conhecido como ‘João Paulo Mocô’, foi preso na manhã deste sábado, 16, outro suspeito conseguiu escapar. | Foto reprodução Portal Ítalo Timóteo
João Paulo dos Santos Nunes, conhecido como ‘João Paulo Mocô’, foi preso na manhã deste sábado, 16, outro suspeito conseguiu escapar. | Foto reprodução Portal Ítalo Timóteo

PRESO EM CASA

Segundo o divulgado, o delegado Rodrigo Rocha Cavalcanti disse que após um trabalho de investigação que contou com depoimentos de testemunhas, a polícia conseguiu identificar os suspeitos e solicitar da justiça um mandado de prisão. Ao ser expedido pela comarca local, os policiais iniciaram as buscas e conseguiram prender ‘João Paulo Mocô’, em sua residência no Bairro Chácara São Vicente.

Já o segundo suspeito identificado como Flávio Ferreira da Silva, vulgo ‘Vaqueiro’, conseguiu escapar.

NÃO HÁ DUVIDAS

Para o delegado, não há dúvidas de que a dupla foi responsável pelo crime. “Eles já vinha monitorando o trabalhador, no dia eles esperaram a chegada do Thiago de Souza para adentrar a casa e roubar o dinheiro do cobrador, porém foram covardes e tiraram a vida do cearense.” Disse Cavalcanti.

‘João Paulo Mocô’, é um velho conhecido da polícia, a sua ficha criminal é intensa e o mesmo acumula diversas passagens na polícia, entre os crimes estão dois portes ilegal de arma de fogo, tentativa de homicídio e lesão corporal.  

O CRIME

Thiago de Souza Oliveira, 35 anos, foi vítima de latrocínio, ele era natural de Missão Velha-CE e trabalhava na cidade de Alagoas vendendo cadeiras, mesas e outros objetos. Segundos os relatos, dois suspeitos invadiram uma residência e assassinaram a tiros o cobrador de prestações, o crime aconteceu na noite deste sábado, 15 de dezembro de 2018, por volta das 20h, na Rua Adolfo Santos no Bairro Campo Grande, em Delmiro Gouveia, no Sertão de Alagoas.

Durante os levantamentos os policiais encontraram um capacete que a dupla criminosa estava e que foi deixada durante a fuga.

[ads1] Na ocasião, uma das testemunhas falaram que os dois homens, sendo um moreno alto trajando camisa preta e calça jeans e outro branco altura mediana trajando calça jeans e uma camisa branca com uma lista na região peitoral, além de uma mancha na região do olho direito teriam chegado na residência em uma CG-150 Fan de cor vermelha e anunciado o assalto. Thiago de Souza, acabou reagindo e foi atingido com um tiro na cabeça e outro na região do abdômen. Ele chegou a ser socorrido, mas acabou morrendo no Hospital Antenor Serpa.

Ainda segundo a testemunha, um dos suspeitos teria dito que já monitorava os trabalhadores e estava aguardando o momento exato para assalta-los.

Após, atirar em Thiago, os bandidos fugiram levando um pochete com uma determinada quantia em dinheiro e outros pertences.

A família e amigos de Thiago chegaram a oferecer uma recompensa no valor de R$ 10 mil reais, para quem fornecesse informações concretas sobre o paradeiro dos suspeitos.  

Com informações do Portal Ítalo Timóteo

Ver Mais

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
error: O conteúdo está protegido !!
Fechar